Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

Ouvidos protegidos

Imagem
A grande quantidade de ruídos no ambiente de trabalho faz com que o ouvido seja um dos órgãos mais afetados entre os trabalhadores, respondendo por quase 25% de todas as doenças ocupacionais em nosso país. Ou seja, a proteção auditiva continua a ser um desafio para a gestão das empresas nos diversos setores produtivos de grandes e pequenas indústrias.

Em 2014 foram notificados 784 casos de Perda Auditiva Induzida pelo Ruído (PAIR). Já de janeiro a junho de 2016, nenhum benefício de auxílio-doença por exposição ao ruído foi concedido, o que já sinaliza uma melhora na estatística brasileira nos afastamentos por PAIR.

Investir no controle de ruídos e em EPIs voltados para a proteção auditiva é a maneira mais eficaz de combater o afastamento de colaboradores.

Existem vários tipos, marcas e modelos de EPIs que devem ser escolhidos de acordo com as variáveis: nível de ruído no ambiente, conforto, aceitação do usuário, custo durabilidade, problemas na comunicação, segurança e higiene.

Os proteto…

Espuma especial!

Imagem
O uso adequado de espuma especial podem fazer toda a diferença para o combate ou prevenção de incêndios quando há suspeita de vazamento que envolvam líquidos inflamáveis. Isso porque a espuma funciona como um abafador, reduzindo a quantidade de oxigênio em contato com o material combustível. Além disso, ela resfria os combustíveis e extingue os vapores inflamáveis que podem se misturar ao ar.

Geralmente o combate com espuma é utilizado em incêndios de classe B (é o incêndio que acontece em líquidos combustíveis e inflamáveis) e por suas excelentes características de umectação. A espuma também pode ser utilizada para combater incêndios de classe A (incêndio em materiais de fácil combustão: papel, tecido e madeira, por exemplo) e florestais. Alguns Corpos de Bombeiros já começaram a substituir a utilização da água pela espuma, já que uma viatura com capacidade média de 3.750 litros de água consegue armazenar 24 mil litros de espuma. Uma economia de até seis vezes de água!

Essa espuma, cuj…

Capacetes de segurança!

Imagem
Item de segurança utilizado desde os tempos medievais, os capacetes são utilizados como EPI há aproximadamente 120 anos. O primeiro registro de seu uso para proteção aconteceu quando Edward Dickinson Bullard projetou capacetes de couro para proteger as cabeças dos trabalhadores de sua empresa na Califórnia.

No Brasil, somente a partir de 1978 é que os capacetes passaram a fazer parte de uma Norma Regulamentadora do Ministério do Trabalho, a NR 6. Além de tornar o fornecimento do EPI obrigatório dentro das empresas com risco ao crânio, define os diferentes tipos de proteção que eles precisam contemplar:

- Contra impactos de objetos sobre o crânio;

- Contra choques elétricos;

- Proteção do crânio e face contra agentes térmicos.

Desde 2009, os capacetes somente podem ser comercializados no Brasil se atenderem ao padrão de qualidade nacional atestado por laboratórios acreditados e com selo do INMETRO.



Os capacetes podem ser classificados em uma categoria conforme suas características de proteçã…

Capacidade extintora

Imagem
Saber a capacidade extintora é fundamental para que a eficácia de combate ao fogo seja suficiente em caso de incêndio.

É obrigatório ter no rótulo do extintor de incêndio a sua capacidade extintora, atributo a ser considerado no momento da escolha de qual equipamento deve ser utilizado para compor o seu projeto de segurança contra incêndio. A falta de informação pode induzir ao erro, o que pode compromete a eficácia para extinguir o fogo logo no princípio.

A definição de capacidade extintora pode ser resumida como uma das formas de medir o poder que determinado extintor tem sobre o fogo. Obtida durante análise realizada em ensaio normalizado segundo a ABNT NBR 15808 (extintores portáteis) e ABNT NBR 15809 (extintor sob rodas), os testes consistem em incendiar uma quantidade de material combustível e utilizar o extintor para apagá-lo. Ressaltando que as chamas precisam ser totalmente extintas.

Os extintores do tipo classe A que são indicados para materiais sólidos que deixam resíduos, com…